Bolsonaro reprova reajuste dos salários do Judiciário: “não é o momento”

Publicado por Quiel em TRANSNOTICIAS

jair-messias-bolsonaro-presidente

Publicado em 08 de novembro, 2018 | Nenhum Comentário


Reajuste salarial aos servidores do Poder Judiciário não é visto com bons olhos pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro.

Incluído na última hora na pauta de votações do Senado na quarta-feira, o aumento salarial dos ministros do Supremo, de 33 para 39 mil reais, impacta as contas públicas, que já encerram o ano com déficit.

Serão SEIS BILHÕES DE REAIS a mais por ano. A proposta foi aprovada na Câmara e estava parada na Comissão de Assuntos Econômicos desde 2016.

O presidente eleito Jair Bolsonaro afirmou que este não é o momento para reajustar os salários do Judiciário e que a questão é preocupante, já que todos estão no mesmo barco.

Bolsonaro se referiu à crise ética, moral e econômica que o Brasil atravessa e disse que a responsabilidade tem de ser dividida entre todos.

Afirmou, ainda, que espera um gesto de grandeza do Judiciário, para que não faça pressão por esse aumento.

As informações são da Agência Rádio 2

Compartilhe

Sobre Quiel

FacebookVer outros posts de Quiel

Nenhum Comentário

No momento não há comentários para: Bolsonaro reprova reajuste dos salários do Judiciário: “não é o momento”
Que tal ser o primeiro? Comente!

Deixe um comentário